Cinco vinícolas para conhecer próximo a Punta del Este

Cinco vinícolas para conhecer próximo a Punta del Este

Que tal ir ao Uruguai no feriadão? Indicamos vinícolas próximas a Punta del Este, na região mais jovem e moderna do setor no país vizinho.

 

O turismo do vinho vem se desenvolvendo cada vez mais no Uruguai. A mais jovem região de vinhedos e vinícolas do país é o Sudeste, que abrange os departamentos de Maldonado, Rocha e Lavalleja. A área representa, hoje, a modernidade do setor no vizinho.

Punta del Este está dentro do departamento de Maldonado, onde florescem vinícolas- butique e investimentos milionários. É por isso que, além das praias e da boa gastronomia, o luxuoso balneário vem atraindo os apaixonados pelo enoturismo, deixando de ser apenas um destino de verão para se tornar também um roteiro perfeito para brindar a dois ou com amigos.

Quer ver? Conheça algumas bodegas para se surpreender nesta Páscoa na terra do tannat, uva considerada patrimônio do Uruguai.

Bodega Garzón

A vinícola “uau!”
A Bodega Garzón é um projeto ambicioso do mundo do vinho. A vinícola é de argentinos bilionários do ramo do petróleo, a família Bulgheroni. A nova sede foi inaugurada em março de 2016 e é deslumbrante. Linda, moderna e sustentável. Praticamente a “Disneylândia do vinho”. O projeto arquitetônico impressiona tanto quanto a paisagem cinematográfica da propriedade. O restaurante é outra estrela, pois os cozinheiros foram treinados pelo mestre do fogo, o argentino Francis Mallmann.

O complexo da Garzón no Uruguai (chamado de Agroland) fica a 76 quilômetros de Punta del Este pela Ruta 9, no sentido Rocha, em uma viagem de cerca de uma hora e meia – parte do trajeto é feito em estrada de terra. Por isso, uma boa ideia é contratar um pacote oferecido pela vinícola que inclui transporte (a partir de Punta), almoço e visita guiada com degustação. A modalidade é oferecida somente sob solicitação por e-mail e é chamada de “Paquetes con Traslado”.

Como não sabia dos tais “paquetes”, fiz a reserva pelo site do “Tour Reserva”, que também recomendo, principalmente para quem não quer investir tanto na experiência. O tour custa 1,2 mil pesos (R$ 140) por pessoa e inclui passeio guiado de trator na vinícola e pelos vinhedos e degustação de três vinhos de entrada e dois Reservas.

Por fim, além de admirar cada detalhe da Garzón, não deixe de provar seus vinhos destaques: os brancos Albariños Reserva e Single Vineyard e o Tannat Reserva 2015, tinto indicado pela respeitada Wine Spectator entre os cem melhores vinhos do mundo.

 

A Garzón está em fase de expansão, com um projeto de loteamento de terrenos e um clube privé para apenas 200 sócios. Te mete!

Anote
-Onde – Ruta 9, km 175 – Garzón. A distância do centro de Punta del Este é de 76 quilômetros

-Agende sua visita – O Tour Reserva é oferecido de quartas a domingos, a 1,2 mil pesos (R$ 140) por pessoa. Os pacotes com translado a partir de Punta estão disponíveis nas quartas e nos sábados sob solicitação por e-mail, com valores a partir de 3.950 pesos (R$ 460) por pessoa. Agendamentos em reservas@experienciasgarzon.com ou bodegagarzon.com

Fica a dica
Se estiver de carro, aproveite para conhecer o povoado de Pueblo Garzón. No retorno de carro a Punta, finalize o dia em grande estilo reservando antecipadamente um jantar no charmoso La Huella de Jose Ignácio.

 

Alto de La Ballena

A vinícola mais próxima de Punta del Este

 

A região Sudeste do Uruguai é uma área de solos pedregosos e com influências do encontro do Oceano Atlântico com o Rio da Prata – e essa mineralidade está presente nos vinhos. Entre as variedades de uva, destacam-se tannat, albariño, cabernet franc, syrah, viogner e sauvignon blanc.

A vinícola mais próxima de Punta del Este é a pequena e autêntica Bodega Alto de la Ballena, fundada por volta do ano 2000, com a primeira colheita em 2005. O tamanho da vinícola é inversamente proporcional aos vinhos que ela produz: grandes tintos syrah e branco viognier, muito bem pontuados pelo Guia Descorchados, publicação referência do cenário enológico da América do Sul. Meu preferido é o romance do Tannat (90%) com o Viogner (10%), vinho Reserva que finaliza a degustação na bodega e inicia uma paixão na boca.

A Alto de la Ballena está a 25 quilômetros da península, no caminho para Casapueblo e Portezuelo (em Punta Ballena), na Ruta 12. É uma das vinícolas pioneiras nessa região.

 

A bodega pertence a um simpático casal uruguaio. Paula Pivel e Álvaro Lorenzo abandonaram suas profissões para se dedicarem ao mundo do vinho. São eles que recebem os visitantes para degustação em um deque rústico, de onde é possível apreciar a paisagem singular do Cerro Pan de Azúcar (Morro Pão de Açúcar) com os vinhedos e a Laguna Del Sauce. Aliás, ao agendar sua visita, prefira o horário do entardecer para degustar os vinhos com o pôr do sol na laguna.

Anote
-Onde – Ruta 12, km 16.400, Sierra de la Ballena – Maldonado

-Agende sua visita – A degustação deve ser paga em dinheiro (peso ou dólar). Já a compra dos vinhos na bodega pode ser com cartão de crédito. As degustações custam entre US$ 32 (R$ 105) e US$ 50 (R$ 165), e os vinhos, entre US$ 15 (R$ 50) e US$ 20. Reservas pelo site altodelaballena.com ou pelo e-mail visitas@altodelaballena.com.

-A visita harmoniza com praia em Portezuelo, visita à Casapueblo ou visita à Viña Edén, na mesma ruta e a poucos quilômetros da Alto de La Ballena.

 

Viña Edén

A vinícola que surpreende

 

Juro que não quero estragar a surpresa, por isso vou poupar elogios para a beleza dessa vinícola situada a apenas 35 quilômetros do centro de Punta del Este, na panorâmica Ruta 12, a mesma que leva à bodega Alto de la Ballena. Uma experiência imperdível.

Com sócio majoritário brasileiro (Maurício Zlatkin), a Edén é jovem, moderna e harmoniza arquitetura, gastronomia e um cenário esplendoroso. Os primeiros vinhedos foram plantados em 2009, e o primeiro ano de elaboração dos vinhos foi em 2013. Tannat, marselan, merlot, pinot noir são algumas das variedades de uva cultivadas por lá. Cerro Negro é o vinho de corte ícone da vinícola, com tannat (50%), merlot (40%) e marselan (10%).

Fiz a experiência Tasting Completo, que recomendo fortemente. Degustei quatro vinhos com pães, azeite e pastinhas divinas. A modalidade custa 1.350 pesos (R$ 160) por pessoa e inclui visita guiada à vinícola, que finaliza com um belo e curto filme sobre o terroir da região projetado sob rochas na adega da Edén. Além das degustações e do restaurante, a bodega oferece piqueniques e tours nos vinhedos de segway, a pé, bicicleta ou veículos off road.

Anote
-Onde – Ruta 12, km 26, Pueblo Éden

-Agende sua visita – Aberta de segunda a domingo, do meio-dia às 18h. Na alta temporada, o horário do fim de semana é até as 19h. Degustação a partir de US$ 25 (R$ 83). Reservas: vinaeden.com ou info@vinaeden.com

Narbona

O espaço vitrine da bodega de charme de Carmelo

 

A granja e bodega Narbona, de Carmelo, tem uma filial butique na área rural de La Barra. Apesar da bela paisagem dos vinhedos, a propriedade não produz vinhos, apenas funciona como uma “amostra” de uma das bodegas mais charmosas do Uruguai. Infelizmente, o espaço só abre durante o verão e na Semana Santa.

Tem restaurante e parrilla, café com muitas delícias, além da venda de vinhos e produtos da granja Narbona, como queijos, geleias e o famoso doce de leite.

No local, os vinhos também são vendidos em taças. Quem quiser uma experiência mais completa pode agendar uma degustação com a simpática sommelier Cecília Maquieira. A degustação dos vinhos harmonizada com os queijos maravilhosos da Narbona custa US$ 50 (R$ 165) e precisa ser agendada com antecedência.

Anote
-Onde – Camino del Gol, entre Ruta 104 e Camino Eguzquiza (pegar a mesma estrada que leva ao Museu do Mar em La Barra e seguir em direção ao hotel Fasano)

-Agende sua visita – Aberto somente no verão e na Semana Santa. Reservas pelo e-mail puntadeleste@narbona.com.uy ou no site narbona.com.uy

Viñedo de los Vientos

A vinícola do Tannat 100%

 

O uruguaio Pablo Fallabrino herdou uma propriedade em Atlántida (a 85 quilômetros de Punta del Este) e começou a produzir vinhos desde 1998 com sua esposa, Mariana Cerutti. O avô de Pablo foi um dos maiores produtores de vinhos e uvas do Uruguai. A visita à bodega, que oferece degustação ou almoço harmonizado, é perfeita para quem planeja passar o dia em Montevidéu (a partir de Punta) ou mesmo conhecer a praia de Piriápolis e Atlántida.

A vinícola se destaca pela liberdade de “brincar e experimentar” no mundo do vinho. E as “brincadeiras” dão tão certo que os vinhos recebem altas pontuações pelos experts no assunto. É o caso do Anarkía, um tannat 100% puro, feito apenas com uvas. Atenção para os rótulos dos vinhos da Los Vientos, tão criativos e instigantes quantos os vinhos da bodega.

Anote
-Onde – Ruta 11, km 162, Estación Atlántida

-Agende sua visita – info@vinedodelosvientos.com e vinedodelosvientos.com

 

 

Fonte: Gaúcha ZH

 

Comentários do Facebook
FAÇA PARTE DO CLUBE ENOVIRTUA

Receba o ebook EnoExpert, brindes e descontos em nossa loja de vinhos

No Comments

Give a Reply

Seja um membro do clube Enovirtua

Receba o ebook EnoExpert, brindes e descontos em nossa loja de vinhos.