Inglês Espanhol Francês Italiano

O que é vinho madeira?

Olá enófiilos,

muitos se perguntam (às vezes me perguntam também) o que é o Vinho Madeira e o por que deste nome…

Será pela cor, pelo envelhecimento em tonéis de carvalho, etc???

Na verdade, o nome deriva da origem do vinho. Todo vinho Madeira é elaborado na Ilha da Madeira, um arquipélago constituído por duas ilhas habitadas – Madeira e Porto Santo – situado a 1100 Km da costa de Portugal, país a que pertence, e a 600 km da costa africana (próximo do Marrocos e Sahara Ocidental).

Mas o que ele tem de tão especial?

O Vinho da Madeira é um vinho licoroso produzido na Região Demarcada da Madeira com Denominação de Origem Madeira, cujos vinhedos totalizam cerca de 400 hectares (muito pequena e por isso, um vinho para poucos). Apresenta com principais variedades de castas utilizadas na produção de vinho Madeira: Sercial, Verdelho, Boal, Malvasia e Tinta Negra. Contudo, outras castas permitidas podem também ser utilizadas.

Pode apresentar 5 diferentes graus de doçura: Extra seco (grau Baumé for igual ou inferior a 0,5º); Seco (grau Baumé inferior a 1,5º e superior a 0,5°); Meio Seco (grau Baumé entre 1º e 2,5º); Meio Doce (grau Baumé entre 2,5º e 3,5º) e Doce (grau Baumé superior a 3,5º).

A cor também apresenta variações interessantes, apresentando, geralmente as nuances de cor âmbar, o dourado, ouro velho, cobre amarelado, castanho e mesmo algumas nuances de verde.

A estrutura do Vinho Madeira oscila entre Leve; Encorpado; Fino; Aveludado e Amadurecido, sendo que cada estrutura apresenta características peculiares.

A característica diferencial do Vinho Madeira se dá após a vinificação das uvas, em um processo chamado “Estufagem”. Neste processo, o vinho passa um período de, no mínimo, 3 meses a uma temperatura entre 45 e 50°C. Após este período, o vinho passa pelo meno 90 dias “descansando” em temperatura ambiente.

Um fato muito interessante é que o Vinho Madeira nunca pode ser engarrafado e comercializado antes de 31 de Outubro do segundo ano seguinte à vindima.

E, como deve ser feito o consumo do Vinho Madeira?

Bom, se tratando de um vinho fortificado, recomenda-se servi-lo entre 13 e 14°C quando mais jovens e entre 15 e 16°C quando mais complexos e velhos. De uma maneira geral, as temperaturas de serviço mais apropriadas dependem principalmente do seu grau de doçura, idade e da casta ou das castas que lhe deram origem.

Existe a possibilidade da necessidade de decantar o Vinho Madeira, pois, podem ser formados depósitos ao longo dos anos. Vinhos engarrafados há alguns anos, sugere-se a transferência para um decanter, tampando-o e, após uma semana, retorná-lo para a garrafa original (para eliminar aromas voláteis derivados da alta acidez).

No vinho Madeira não se encontram os chamados aromas primários como no vinho branco ou no vinho tinto. No vinho Madeira existe sim um bouquet entre os quais se podem ser encontrados: o pinho, eucalipto, frutos secos, chocolate, laranja, café, tabaco, coco, caramelo, chá, mel, açúcar queimado, carvalho, pimenta, baunilha, cravinho, caril, noz-moscada, verniz e canela.

Independentemente do seu grau de doçura todos os Vinhos Madeira, têm pelo menos 20 gramas de açúcar residual enquanto os mais doces facilmente atingem as 60 g/l. Esta doçura é, no entanto, equilibrada por uma boa dose de acidez. O final de boca é bastante prolongado e parece ser ainda mais conforme os vinhos são mais velhos.

Muito bem, acho que é hora de falar menos e degustar mais, não é?

Um abraço e lembrem-se, apreciem com moderação!!!

Fonte: Vinhos e dicas

FAÇA PARTE DO CLUBE ENOVIRTUA

Receba o ebook EnoExpert, brindes e descontos em nossa loja de vinhos

Leave a comment

Seja um membro do clube Enovirtua

Receba o ebook EnoExpert, brindes e descontos em nossa loja de vinhos.